Ciência da Informação: temática , histórias e fundamentos

Gustavo Henrique de Araújo Freire

Resumo


Trata dos fundamentos históricos e teóricos do campo científico da informação. Parte da hipótese de que as bases da Ciência da Informação surgem a partir da emergência do paradigma do conhecimento científico ? apoiado na invenção da imprensa ? que se institucionaliza com a criação das primeiras associações científicas, e sua expansão está ligada à própria expansão da ciência por todos os segmentos da sociedade contemporânea. Discorre sobre as raízes históricas deste campo científico desde a ‘utopia planetária” de Otlet e La Fontaine, sobre as abordagens social e tecnológica na Ciência da Informação, os caminhos no presente e as perspectivas no futuro. Defende que o objeto de estudo da Ciência da Informação ? a informação ? é um fenômeno que está relacionado a todos os campos do conhecimento científico, moldando-se aos interesses de cada uma delas. Apresenta um modelo das áreas de interesse pertinentes à Ciência da Informação, bem como suas inter-relações e possibilidades de intervenção na sociedade. Argumenta que, para superar dificuldades conceituais advindas das múltiplas facetas próprias ao seu objeto de estudo, a Ciência da Informação deve buscar a construção de uma rede conceitual, tecida a partir do olhar das várias disciplinas com as quais este campo científico se relaciona.

Texto completo:

PDF




Revista Perspectivas em Ciência da Informação
Antonio Carlos, 6627 - Pampulha
31270- 901 - Belo Horizonte -MG
Brasil
Tel: 031) 3409-5227 






A revista Perspectivas em Ciência da Informação está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.
       IET          IBCT - SEER Portal Scielo Capes Periodicos UFMG        Sistema de Bibliotecas UFMG