O campo de turismo no Brasil: caracterização e análise da rede de pesquisadores e sua dinâmica regional

Andre Fontan Kohler, Luciano Antonio Digiampietri

Resumo


O objeto é o campo de turismo no Brasil, tomado como os indivíduos que, em seu currículo Lattes, declaram que atuam em turismo. Os objetivos principais são caracterizar esses indivíduos, verificar as principais instituições de formação acadêmica e atuação profissional, e identificar os principais veículos de publicação. As análises foram embasadas por métodos de análise bibliométrica e de análise de redes sociais. Os resultados indicam a existência de um campo de conhecimento fragmentado e ainda em fase de amadurecimento.

Palavras-chave


Turismo; Bibliometria; Redes sociais

Texto completo:

PDF

Referências


ABRAMO, G.; D’ANGELO, C. A. Evaluating research: from informed peer review to bibliometrics. Scientometrics, Secaucus, v. 87, n. 3, p. 499-514, jun. 2011.

BENCKENDORFF, P.; ZEHRER, A. A network analysis of tourism research. Annals of tourism research, Oxford, v. 43, p. 121-149, out. 2013.

BIZ, A. A.; MASSUKADO, M. S.; SANTOS, A. B. S.; MOTTER, A. Análise da produção científica dos docentes doutores dos programas de pós-graduação stricto sensu em turismo e hotelaria. In: V SEMINÁRIO DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM TURISMO, 5., 2008, Belo Horizonte. Anais eletrônicos... Belo Horizonte: 2008. Disponível em: . Acesso em: 20 jun. 2019.

BRITO, A. G. C.; QUONIAM, L.; MENA-CHALCO, J. P. Exploração da Plataforma Lattes por assunto: proposta de metodologia. TransInformação, Campinas, v. 28, n. 1, p. 77-86, jan./abr. 2016.

DIGIAMPIETRI, L. A.; MENA-CHALCO, J. P; PÉREZ-ALCÁZAR, J. J.; TUESTA, E. F.; DELGADO, K. V.; MUGNAINI, R.; SILVA, G. S. Minerando e caracterizando dados de currículos Lattes. In: BRAZILIAN WORKSHOP ON SOCIAL NETWORK ANALYSIS AND MINING, 2., 2012. Anais eletrônicos… Curitiba: 2012. Disponível em: . Acesso em: 20 jun. 2019.

DIGIAMPIETRI, L. A.; MUGNAINI, R.; MENA-CHALCO, J. P.; DELGADO, K. V.; PÉREZ-ALCÁZAR, J. J. Análise macro das últimas atualizações dos Currículos Lattes. Em questão, Porto Alegre, v. 20, n. 3, p. 88-113, 2014.

DIGIAMPIETRI, L. A.; MENA-CHALCO, J. P.; PÉREZ-ALCÁZAR, J. J.; TUESTA, E. F.; DELGADO, K. V.; MUGNAINI, R.; SILVA, G. S.; LIMA, J. J. S. Extração, caracterização e análises de dados de currículos Lattes. Revista eletrônica de sistemas de informação, Curitiba, v. 14, n. 2, p. 1-24, mai.-ago. 2015.

DURIEUX, V.; GEVENOIS, P. A. Bibliometric indicators: quality measurements of scientific publication. Radiology, Oak Brook, v. 255, n. 2, p. 342-351, mai. 2010.

HIRSCH, J. E. An index to quantify an individual’s scientific research output. Proceedings of the National Academy of Sciences of the United States of America, v. 102, n. 46, p. 16.569–16.572, nov. 2005.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Contas regionais 2015: queda no PIB atinge todas as unidades da federação pela primeira vez na série. 2017a. Disponível em: . Acesso em: 20 jun. 2019.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Estimativas de população para 1º de julho de 2015. 2017b. Disponível em: . Acesso em: 20 jun. 2019.

JOGARATNAM, G.; CHON, Kaye; MCCLEARY, Ken; MENA, M.; YOO, J. An analysis of institutional contributors to three major academic tourism journals: 1992-2001. Tourism management, Amsterdam, v. 26, n. 5, out. 2005.

KOSEOGLU, M. A.; RAHIMI, R.; OKUMUS, F.; LIU, J. Bibliometric studies in tourism. Annals of tourism research, Oxford, v. 61, p. 180-198, nov. 2016.

MCKERCHER, Bob. A citation analysis of tourism scholars. Tourism management, Amsterdam, v. 29, n. 6, p. 1.226-1.232, dez. 2008.

MENA-CHALCO, J. P.; CESAR JUNIOR, R. M. ScriptLattes: an open-source knowledge extraction system from the Lattes platform. Journal of the Brazilian computer society, Porto Alegre, v. 15, n. 4, p. 31-39, dez. 2009.

PLATAFORMA LATTES. Sobre a plataforma Lattes. 2018. Disponível em: Acesso em: 23 ago. 2018.

POBLACION, D. A.; MUGNAINI, R.; RAMOS, L. M. S. V. C. (Orgs.). Redes sociais e colaborativas em informação científica. São Paulo: Angellara, 2009.

PRELL, C. Social network analysis: history, theory and methodology. Thousand Oaks: SAGE, 2012.

RACHERLA, P.; HU, C. A social network perspective of tourism research collaborations. Annals of tourism research, Oxford, v. 37, n. 4, p. 1.012-1.034, out. 2010.

SCOTT, J. Social network analysis: a handbook. 2nd edition. Thousand Oaks: SAGE, 2009.

SMITH, V. L. (Ed.). Hosts and guests: the anthropology of tourism. Second edition. Philadelphia: University of Pennsylvania Press, 1989.

SPINAK, E. Indicadores cienciometricos. Ciência da Informação, Brasília, v. 27, n. 2, p. 141-148, mai./ago. 1998.

TAGUE-SUTCLIFFE, J. An introduction to informetrics. Information processing and management: an international journal, Tarrytown, v. 28, n. 1, p. 1-3, jan. 1992.

TAVARES, G. H.; SCHWARTZ, G. M.; ALVES, H. B.; SANTIAGO, D. R. P.; KAWAGUTI, C. N. Gestão do lazer: os grupos de pesquisa em foco. Motriz, Rio Claro, v. 15, n. 3, p. 470-480, jul./set. 2009.

TRIBE, J. The indiscipline of tourism. Annals of tourism research, Oxford, v. 24, n. 3, p. 638-657, 1997.

TRIBE, J. Tribes, territories and networks in the tourism academy. Annals of tourism research, Oxford, v. 37, n. 1, p. 7-33, jan. 2010.

WASSERMAN, S.; FAUST, K. Social network analysis: methods and applications. 19nd edition. Cambridge: Cambridge University Press, 2009.

ZITT, M.; BASSECOULARD, E. Challenges for scientometric indicators: data demining, knowledge-flow measurements and diversity issues. Ethics in science and environmental politics, Luhe, v. 8, n. 1, p. 49-60, 2008.






Revista Perspectivas em Ciência da Informação
Antonio Carlos, 6627 - Pampulha
31270- 901 - Belo Horizonte -MG
Brasil
Tel: 031) 3409-5227 






A revista Perspectivas em Ciência da Informação está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.
       IET          IBCT - SEER Portal Scielo Capes Periodicos UFMG        Sistema de Bibliotecas UFMG