Construção de vocabulários multilíngues: perspectivas culturais

Ricardo Biscalchin, Walter Moreira

Resumo


A Ciência da Informação tem como principal objetivo a organização e disseminação da informação de maneira eficaz, ética e igualitária. Um modo de atender a esses objetivos é rompendo com as barreiras linguísticas e culturais no acesso e representação da informação, via construção de vocabulários controlados multilíngues que sigam os conceitos da transculturalidade, da multiculturalidade e da garantia cultural. O objetivo é apresentar esses conceitos demonstrando a importância de sua aplicação no momento da construção de vocabulários multilíngues buscando acesso de maneira igualitária e justa a diferentes culturas. Foi realizada uma análise teórica de normas técnicas e publicações científicas sobre a temática buscando demonstrar a importância da aplicação conjunta desses conceitos para a representação da informação. Esse artigo é apenas uma pequena discussão da importância do relacionamento desses conceitos, teorias e normas na aplicação para a construção de vocabulários multilíngues, cabendo sua aplicação de maneira prática para validação dos resultados. Concluímos que a aplicação da transculturalidade, multiculturalidade e garantia cultural em conjunto com as normas e estudos científicos sobre construção de vocabulários multilíngues, irá possibilitar a representação terminológica da informação em cada língua, de modo que contemple o contexto sócio-histórico-cultural de cada usuário, de maneira igualitária e justa.

Palavras-chave


Vocabulário Controlado Multilíngue. Transculturalidade. Multiculturalidade. Garantia Cultural. Organização do Conhecimento.

Texto completo:

PDF

Referências


Referências

BARITÉ, M. Garantía literaria y normas para construcción de vocabularios controlados: aspectos epistemológicos y metodológicos. SCIRE, v. 15, n. 2, p.13-24, 2009.

BARITÉ, M. et al. Garantia literária: elementos para uma revisão crítica após um século. TransInformação, Campinas, v. 2, n. 22, p. 123-138, 2010.

BARITÉ, M. La garantía cultural como justificación en sistemas de organización del conocimiento: aproximación crítica. Palabra Clave (La Plata), vol. 1, n. 1, p.2-11, 2011.

BARITÉ, M. Control de vocabulario: orígenes, evolución y proyección. Ciência da Informação, Brasília, DF, v. 41, n. 1, p.95-119, jan./abr., 2014.

BEGHTOL, C. A proposed ethical warrant for global knowledge representation and organization systems. Journal of Documentation, London, v. 58, n. 5, p. 507-532, 2002a.

BEGHTOL, C. Universal concepts, cultural warrant, and cultural hospitality. In: LÓPEZHUERTAS, M. J. (Ed.). Challenges in knowledge representation and organization for the 21st century: integration of knowledge across boundaries. Würzburg: ERGON-Verlag, 2002b. p. 45-49.

BEGHTOL, C. Ethical Decision-Making for Knowledge Representation and Organization Systems for Global Use. Journal Of The American Society for Information Science and Technology, Ontario, v. 9, n. 56, p.903-912, 15 abr. 2005. Disponível em: . Acesso em: 05 abr. 2017.

BOCCATO, V. R. C.; BISCALCHIN, R. As dimensões culturais no contexto da construção de vocabulários controlados multilíngues. Revista Interamericana de Bibliotecología, Medellín (Colombia), vol.37, n.3, p.237-250, 2014. Disponível em: . Acesso em: 10 maio 2017.

GARCÍA GUTIÉRREZ, A. La organización del conocimiento en el nuevo orden transcultural: del totalitarismo a la desclasificación (obstáculos epistémicos, regencia de la transcultura y desclasificación). Brazilian Journal of Information Science: research trends, v.8 n.1/2, p.1-34, 2014. Disponível em: http://www2.marilia.unesp.br/revistas/index.php/bjis/article/view/4450/3265. Acesso em: 12 jun. 2017.

GUIMARÃES, J. A. C.; PINHO, F. A. Aspectos éticos em organização e representação do conhecimento (O.R.C.). ANCIB, Marília, p.1-14, 2006. Disponível em: . Acesso em: 13 jun. 2017.

HUDON, M. Multilingual thesaurus construction: integrating the views of different cultures in one gateway to knowledge and concepts. Knowledge Organization, Würzburg, v.24, n. 2, p. 84-91, 1997.

HUDON, M. Accessing documents and information in a world without frontiers. The Indexer, [s.l.] , v.21, n. 4, p. 156-159, 1999.

IFLA. Guidelines for multilingual thesauri. The Hague, IFLA Headquarters, 2009. Disponível em: . Acesso em: 08 jun. 2017.

ISO 25964-2011. Information and documentation — Thesauri and interoperability with other vocabularies — Part 1: Thesauri for information retrieval. Geneva: ISO, 2011.

ISO 25964-2013. Information and documentation — Thesauri and interoperability with other vocabularies — Part 2: Interoperability with other vocabularies. Geneva: ISO, 2013.

LAZZARIN, L. F. Multiculturalismo e multiculturalidade: recorrências discursivas na educação musical. Revista da ABEM, Porto Alegre, v. 19, p.121-128, mar. 2008.

LÓPEZ-HUERTAS, M.J. Gestión del conocimiento multidimensional en los sistemas de organización del conocimiento. In: RODRÍGUEZ BRAVO, B.; ALVITE DÍAZ, M.A. La interdisciplinariedad y la transdisciplinariedade en la organización del conocimiento científico. León: Universidad de León, 2007. p. 1-26. Trabalho apresentado no VIII Congresso ISKO-España. Disponível em: http://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=2532792. Acesso em: 23 maio 2012.

LUCCHESI, M. A.; MALANGA, E. B. Interculturais e identidades nacionais: transculturalidade e transdisciplinaridade. Visão Global, Joaçaba, v. 14, n.1, p.73-88, 2011. Disponível em: http://editora.unoesc.edu.br/index.php/visaoglobal/article/view/868/pdf_287. Acesso em: 13 jun. 2017.

NEIVA, R.; ALONSO, L.; FERNEDA, E. Transculturalidade e Tecnologias da Informação e Comunicação. Revista Novas Tecnologias na Educação, v. 5, n.2, 2007. Disponível em: http://seer.ufrgs.br/renote/article/view/14373/8270. Acesso em: 13 jun. 2017.

OARD, D. W. Serving users in many languages: cross language information retrieval for digital libraries. D-Lib Magazine: the magazine of digital library research, 1997. Disponível em: . Acesso em: 10 maio 2017.

OLSON, H. A. The power to name: locating the limits or subject representation in libraries. Dordrecht: Kluwer Academic Publisher, 2002.






Revista Perspectivas em Ciência da Informação
Antonio Carlos, 6627 - Pampulha
31270- 901 - Belo Horizonte -MG
Brasil
Tel: 031) 3409-5227 






A revista Perspectivas em Ciência da Informação está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.
       IET          IBCT - SEER Portal Scielo Capes Periodicos UFMG        Sistema de Bibliotecas UFMG