Do espaço ao ciberespaço: sobre etnografia e netnografia

Rafael Fernandes de Mesquita, Fátima Regina Ney Matos, Diego de Queiroz Machado, Augusto Marcos Carvalho de Sena, Maria Manuel Rocha Teixeira Baptista

Resumo


Este trabalho tem como objetivo analisar a evolução das pesquisas em netnografia, a partir da aplicação de uma análise bibliométrica nas produções científicas na área. Para essa análise, optou-se pela utilização da base de dados Web of ScienceTM, principalmente pela sua abrangência ao conter inúmeras áreas científicas. Como principais resultados das análises foram identificadas a quantidade de artigos em evolução atingindo seu ápice no ano de 2015, os top journals, países e autores da temática e os artigos mais citados que apresentam objetos empíricos distintos, sem problematizar o uso e a adaptação do método etnográfico às comunidades on-line. Ao concluir o trabalho, o estudo propõe indicativos de uma agenda de pesquisa para discutir o método e suas implicações para os estudos das organizações e a área que é majoritariamente o campo das pesquisas netnográficas: o marketing.

Palavras-chave


Netnografia, Etnografia, Web of Science, Bibliometria

Texto completo:

PDF

Referências


AMARAL, A.; NATAL, G.; VIANA, L.; Netnografia como aporte metodológico da pesquisa em comunicação digital. Cadernos da Escola de Comunicação, v. 6, p. 1-12, 2008.

ANGROSINO, M. Etnografia e observação participante. Porto Alegre: Artmed, 2009.

AUGÉ, M. Não-lugares: introdução a uma antropologia da supermodernidade. 3 ed. Campinas, SP: Papirus, 1994.

BOURDIEU, P. Introdução a uma sociologia reflexiva. Lisboa: Difel, 1989.

BRODIE, R. J.; ILIC, A.; JURIC, B.; HOLLEBEEK, L. Consumer engagement in a virtual brand community: An exploratory analysis. Journal of Business Research, v. 66, n. 1, p. 105-114, 2013.

BROWN, S.; KOZINETS, R. V.; SHERRY JR, J. F. Teaching old brands new tricks: Retro branding and the revival of brand meaning.Journal of Marketing, v. 67, n. 3, p. 19-33, 2003.

CAVEDON, N. R. Antropologia para administradores. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2003.

COVA, B.; PACE, S. Brand community of convenience products: new forms of customer empowerment-the case “My Nutella The Community”. European Journal of Marketing, v. 40, n. 9/10, p. 1087-1105, 2006.

DIEM, A.; WOLTER, S. C. The use of bibliometrics to measure research performance in education sciences. Research in Higher Education, 54, n. 86, p. 86-114, 2013. doi: 10.1007/s11162-012-9264-5.

FEYERABEND, P. Contra o método. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1977.

FOUCAULT, M. A ordem do discurso. São Paulo: Loyola, 2000.

FREITAS, G. K. A.; LEÃO, A. L. M. S. Concepção da netnografia da comunicação: uma abordagem aplicada à pesquisa em Administração. GESTÃO.Org - Revista Eletrônica de Gestão Organizacional, v. 10, n. 2, p. 211-228, 2012.

FÜLLER, J.; JAWECKI, G.; MÜHLBACHER, H. Innovation creation by online basketball communities. Journal of Business Research, v. 60, n. 1, p. 60-71, 2007.

GASKELL, G.; BAUER, M.W. Para uma prestação de contas públicas: além da amostra, da fidedignidade e da validade. In: BAUER, M. W.; GASKELL, G. Pesquisa qualitativa com texto, imagem e som – um manual prático. 5. ed. Petrópolis, Rj: Vozes, 2002.

GEERTZ, C. Nova luz sobre a antropologia. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2001.

GIESLER, M.; POHLMANN, M. The social form of Napster: Cultivating the paradox of consumer emancipation. Advances in consumer research, v. 30, p. 94-100, 2003a.

GIESLER, M.; POHLMANN, M. The anthropology of file sharing: Consuming Napster as a gift. Advances in consumer research, v. 30, p. 273-279, 2003b.

GOLDENBERG, M. A arte de pesquisar – como fazer pesquisa qualitativa em ciências sociais. 8.ed. Rio de Janeiro: Record, 2004.

HSING, C. W.; SOUZA, C. A. A metodologia de netnografia aplicada a sistemas de informação: investigação de comunidades virtuais de processos de negócios. In: SEMEAD, 16, 2013, São Paulo. Anais… São Paulo: FEA-USP, 2013.

KOSKINEN, J. et al. How to use bibliometric methods in evaluation of scientific research? An example from Finnish schizophrenia research. Nordic Journal of Psychiatry, v. 62, n. 2, p. 136-143, 2008.

KOZINETS, R. V. ''I want to believe'': A netnography of the X-Philes' subculture of consumption. Advances In Consumer Research, VOL XXIV, 24, p. 470-475, 1997.

KOZINETS, R. V. On netnography: Initial reflections on consumer research investigations of cyberculture. Advances in consumer research, v. 25, n. 1, p. 366-371, 1998.

KOZINETS, R. V.; HANDELMAN, J. Ensouling Consumption: A Netnographic Exploration of The Meaning of Boycotting Behavior. Advances in consumer research, v. 25, n. 1, 1998.

KOZINETS, R. V. The field behind the screen: Using netnography for marketing research in online communities. Journal of marketing research, v. 39, n. 1, p. 61-72, 2002.

KOZINETS, R. V. Click to connect: netnography and tribal advertising. Journal of advertising research, v. 46, n. 3, p. 279-288, 2006.

KOZINETS, R. V. Netnografia: realizando pesquisa etnográfica online. Porto Alegre: Penso, 2014.

LAPERRIÈRE, A. Os critérios de cientificidade dos métodos qualitativos. In: POUPART, J.; DESLAURIERS, J-P.; GROULX, L-H.; LAPERRIÈRE, A.; MAYER, R.; PIRES, A.P. A Pesquisa Qualitativa – Enfoques epistemológicos e metodológicos. Petrópolis, RJ: Vozes, 2012.

LEMOS, A.; VALENTIM, J. Cibercultura e infraestrutura de redes sem fio no Brasil. Comunicação & Sociedade, v.27, n.45, p.79-94, 2006.

LÉVI-STRAUSS, C. Antropologia estrutural. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1991.

LÉVY, P. Cibercultura. São Paulo: Editora 34, 2007.

MALINOWSKI, B. Argonautas do Pacífico ocidental. São Paulo: Abril Cultural, 1978.

MATHWICK, C.; WIERTZ, C.; RUYTER, K. Social capital production in a virtual P3 community. Journal of Consumer Research, v. 34, n. 6, p. 832-849, 2008.

MIGUEL, S.; DIMITRI, P. La investigación en bibliometría en la Argentina: quiénes son y qué producen los autores argentinos que realizan estudios bibliométricos. Informacion, Cultura Y Sociedad, v. 29, p. 117-138, 2013.

MINAYO, M. C. S.; SANCHES, O. Quantitativo-Qualitativo: oposição ou complementaridade. Caderno da Saúde. Rio de Janeiro, v. 9, 1993.

MORIN, E. Ciência com consciência. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1996.

NELSON, M. R.; OTNES, C. C. Exploring cross-cultural ambivalence: a netnography of intercultural wedding message boards.Journal of Business Research, v. 58, n. 1, p. 89-95, 2005.

NOVELI, M. Do off-line para o online: a netnografia como um método de pesquisa ou o que pode acontecer quando tentamos levar a etnografia para a internet? Organizações em Contexto, v. 6, n. 12, p. 107-133, 2010.

POPPER, K. R. Conhecimento objetivo: uma abordagem evolucionária. Belo Horizonte: Itatiaia, 1999.

PRITCHARD, A. Statistical bibliography or bibliometrics? Journal of Documentation, 25, n. 4, p. 348-349, 1969.

RAISIG, L. M. Statistical bibliography in the health sciences. Bulletin of the Medical Library Association, v. 50, n. 3, p. 450-461, 1962.

ROCHA, P. J.; MONTARDO, S. P. Netnografia: incursões metodológicas na cibercultura. Revista Compós, p. 1-22, 2005.

RUTTER, J.; SMITH, G. Ethnographic presence in a nebulous setting. In: HINE, C. (Ed.). Virtual methods: Issues in social research on the Internet. New York: Berg Publishers, 2005, p. 81-95.

SANDLIN, J. A. Netnography as a consumer education research tool. International Journal of Consumer Studies, n. 31, p. 288–294, 2007.

SANTOS, J. L. S.; KALSING, M.; HANSEN, P. B. Redes de cooperação interorganizacional: uma análise sistemática da produção científica na Web of Science de 1981-2013. Anais... XVII Semead, Seminários em Administração, São Paulo, 2014.

SANTOS, J. L. S.; MALDONADO, M.; SANTOS, R. Mapeamento das publicações acadêmico-científicas sobre memória organizacional. Anais... XXXV Encontro da ANPAD, 2011.

YIM, C. K.; TSE, D. K.; CHAN, K. W. Strengthening customer loyalty through intimacy and passion: Roles of customer-firm affection and customer-staff relationships in services. Journal of Marketing Research, v. 45, n. 6, p. 741-756, 2008.






Revista Perspectiva em Ciência da Informação
Antonio Carlos, 6627 - Pampulha
31270- 901 - Belo Horizonte -MG
Brasil
Tel: 031) 3409-5227 






A revista Perspectivas em Ciência da Informação está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.
       IET          IBCT - SEER Portal Scielo Capes Periodicos UFMG        Sistema de Bibliotecas UFMG