Um projeto de rede de bibliotecas para as escolas públicas estaduais de Santa Catarina, Brasil: relato de experiência(s)

Eliane Fioravante Garcez, Gisela Eggert-Steindel, José Paulo Speck Pereira, Gyance Carpes

Resumo


Resumo: Discute percursos da implantação de uma rede de bibliotecas para as escolas públicas do estado de Santa Catarina e sobre a criação do cargo de bibliotecário vinculado ao Quadro do Magistério Público deste Estado. As diferentes ações da categoria profissional para a criação do cargo de bibliotecário para atuar nessas escolas, o movimento dessa classe profissional para tal intento desde os anos 90 do século XX. Apresenta a proposta da categoria resultado das várias discussões (e elaboração de propostas de projetos) que vêm ocorrendo desde 2003. A aprovação da Lei 12.244/2010 motivou, em 2012, a Secretaria da Educação propôr uma reunião com a categoria profissional com intuito, em uma ação conjunta, a elaboração de uma proposta de criação do cargo de bibliotecário para as 1.112 escolas estaduais. Esse projeto prevê não apenas a criação do cargo, cerca de 300, mas o funcionamento de uma rede de bibliotecas estruturada em três pontos estratégicos para a atuação desse profissional, assim desenhado: Órgão Central, Secretarias Regionais e Entidades Escolares - nesse tripé sustenta-se a rede ora proposta.

A LIBRARY NETWORK PROJECT FOR PUBLIC SCHOOLS STATE OF SANTA CATARINA, BRAZIL: EXPERIENCE REPORT (S)

Abstract: Discusses the deploying a network of libraries to public schools in the state of Santa Catarina and the creation of the post of librarian linked to the Framework of the Public Magisterium this Estado. As well different actions of the professional category for creating the librarian position to act these schools, the movement of this professional class for this purpose since the 90s of XX century. Presents the proposal of the category result of several discussions (and preparation of project proposals) that have occurred since 2003. The approval of Law 12.244/2010, led in 2012 to the Education Department proposed a meeting with the professional category, in order to joint action, to draw up a proposal for a librarian job creation for 1.112 schools estaduais. This project includes not only the creation of the post 300, but the operation of a network of libraries structured into three strategic points to the role of this professional, well designed: Central Agency, Regional Secretariats and School Entities - this tripod holds up the network proposed here.

Palavras-chave


Palavras-Chave: Biblioteca Escolar. Bibliotecário. Rede de Bibliotecas. Santa Catarina (Brasil). Key-Words: School Library. Librarian. Libraries Network. Santa Catarina (Brazil).

Texto completo:

PDF

Referências


Referências

ASSOCIAÇÃO CATARINENSE DE BIBLIOTECÁRIOS – ACB. Relatório final da gestão 2012-2013 “interferir, ressignificar, expandir”. Organização e redação de José Paulo Speck Pereira. São José (SC), 2014. Disponível em: . Acesso em 15 fev. 2015.

BRASIL. Decreto-Lei nº 8.529, de 2 de janeiro de 1946. Dispõe sôbre a adaptação dos serviços do ensino primário nos Estados, Territórios e Distrito Federal, a Lei Orgânica do Ensino Primário. Disponível em:< http://www2.camara.leg.br/legin/fed/declei/1940-1949/decreto-lei-8585-8-janeiro-1946-416400-norma-pe.html>. Acesso em: 14 jun. 2015.

______. Lei nº 12.244, de 24 de maio de 2010. Dispõe sobre a universalização das bibliotecas nas instituições de ensino do País. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 25 maio 2010. Disponível em: . Acesso em: 17 fev. 2015.

______. Ministério da Educação. Avaliação das bibliotecas escolares no Brasil. 1.ed. Edições SM: São Paulo, 2011. 112p. (CEIDEA Coleção de Estudos). Disponível em: . Acesso em: 26 jul. 2014.

______. ______. Programa Nacional Biblioteca da Escola (PNBE): leitura e biblioteca nas escolas públicas brasileiras. Brasileira: ministério da Educação, 2008. Disponível em: . Acesso em: 29 jul. 2014.

BOMBASSARO, Ticiane. Santa Catarina na IV Conferência Nacional de Educação por uma Escola Nova barriga-verde. Revista Brasileira de História da Educação. v. 1, n. 3, p. 137-173, (15) 2007. Disponível em: . Acesso em: 14 jun. 2015.

DIRETRIZES DA IFLA/UNESCO PARA A BIBLIOTECA ESCOLAR. [2002]. Tradução no Brasil por Neusa Dias de Macedo e Helena Gomes de Oliveira. 2005. 28p. Disponível em: . Acesso em: 26 jul. 2014.

EGGERT-STEINDEL, Gisela; FONSECA, Caio Faria. A biblioteca escolar: participante da promoção da justiça e êxito escolar. In: VALLE, Ione Reibeiro; SILVA, Vera Lucia Gaspar da e DAROS, Maria das Dores Daros (Org.). Educação escolar: justiça social. Florinaópolis: Ed. UFSC, 2010.

FÓRUM ESTADUAL DE BIBLIOTECAS ESCOLARES, III, Florianópolis, 18 out. 2003. Rev. ACB: Biblioteconomia em Santa Catarina, v. 8/9, p. 79, 2003/2004. Disponível em: . Acesso em: 16 fev. 2015.

FREIRE, Paulo. A importância do ato de ler: em três artigos que se completam. 35. ed. São Paulo: Cortez, 1997. (Questões da Nossa Época, 13).

GARCEZ, Eliane Fioravante. As competêcias do bibliotecário na educação básica: reflexões a partir de proposta de rede. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 19 n, 4, p. 3-24, out./dez. 2014. Disponível em: . Acesso em: 04 jan. 2015.

GARCEZ, Eliane Fioravante; KIESER, Herta; FELÍCIO, Joana Carla se Souza Matta. Relatório do VII Fórum Estadual de Bibliotecas Escolares: Florianópolis, 8 de outubro de 2011. Rev. ACB: Biblioteconomia em Santa Catarina, Florianópolis, v.17, n.1, p. 194-209, jan./jun., 2012. Disponível em: . Acesso em: 08 jan. 2015.

GARCEZ, Eliane Fioravante; KIESER, Herta; SILVA, Inês Josino da. Relatório do V Fórum Estadual de Bibliotecas Escolares: Joinville, 21 de outubro de 2006. Rev. ACB: Biblioteconomia em Santa Catarina, Florianópolis, v.13, n.2, p.503-522, jul./dez., 2008. Disponível em: . Aceso em: 08 jan. 2015.

IRELAND, Vera. (Coord.). Repensando a escola: um estudo sobre os desafios de aprender, ler e escrever. Brasília: UNESCO: MEC/INEP, 2007. 331p. Disponível em: . Acesso em: 14 ago. 2010.

MACHADO, Alzemi. A implantação de bibliotecas escolares na rede de ensino de Santa Catarina (décadas de 30 e 40). 2002. Dissertação (Mestrado em Educação e Cultura) – Centro de Ciências da Educação, Universidade do Estado de Santa Catarina. Florianópolis: 2002.

MANIFESTO IFLA/UNESCO PARA A BIBLIOTECA ESCOLAR. [1999]. Tradução de Neusa Dias de Macedo. 2000. Disponível em: . Acesso em: 17 fev. 2015.

MIGNOT, Ana Chrystina Venancio. Baú de Memórias, Bastidores de Histórias: o legado pioneiro de Armanda Álvaro Alberto. Bragança Paulista/SP: EDUSF, 2002.

SANTA CATARINA. Decreto N. 3.735, de 17 de dezembro de 1946. Regulamento para os estabelecimentos de ensino primário no Estado de Santa Catarina, Santa Catarina, p. 3-153, 1946.

_____. Secretaria de Estado da Educação e Inovação. Diretoria de Recursos Humanos. Portaria nº 003/SED de 04/04/2003. Dispõe sobre o pessoal para desenvolver atividades administrativas nas EEM – EEB – EEF da rede estadual de ensino. Diário Oficial [do Estado de Santa Catarina], Florianópolis, p. 2, 08 abr. 2003.

SILVA, Waldeck Carneiro da. Miséria da biblioteca escolar.. São Paulo: Cortez, 1995. (Questões da Nossa História, 45).

SILVA, José Fernando Modesto da; SIQUEIRA, Ivan. Biblioteca Escolar como uma questão de direitos humanos. Bibl. Esc. em R., Ribeirão Preto, v. 3, n. 1, p. 38-50, 2014. Disponível em: . Acesso em: 14 fev. 2015.

VIDAL, Diana Gonçalves. O exercício disciplinado do olhar: livros, leituras e práticas de formação docente no Instituto de Educação do Distrito Federal (1932-1937). 1995. Tese. (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade de São Paulo, 1995.






ISSN 1981-5344 (Online)
rodapé PCI
Revista Perspectivas em Ciência da Informação
Antonio Carlos, 6627 - Pampulha
31270- 901 - Belo Horizonte -MG
Brasil
Tel: (31) 3409-5227 





cc
A Revista Perspectivas em Ciência da Informação está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.
       IET          IBCT - SEERweb of scence

Capes        Sistema de Bibliotecas UFMG           ECI- UFMG            Periodicos UFMG       Portal Scielo