Issue procedure ontology (ipo): uma ontologia para sintomas, problemas e soluções

Matheus Dimas de Morais, Mark Douglas de Azevedo Jacyntho

Resumo


No cenário atual de intensa competitividade entre as empresas, cada vez mais o uso do tempo se torna algo a ser maximizado, visando maior produtividade. Assim, para as organizações se manterem em plena operação, problemas devem ser solucionados o mais breve possível. A informática pode ajudar nesse processo, oferecendo sistemas computacionais que auxiliem na resolução de tais problemas. Com o advento da Web Semântica, surge a possibilidade de representar as informações de tal forma que o computador consiga compreendê-las, possibilitando a criação de sistemas inteligentes com o uso de ontologias. A principal contribuição deste trabalho é uma ontologia extensível (core ontology) para o domínio de sintomas, problemas e soluções, denominada Issue Procedure Ontology (IPO). Esta ontologia pretende prover às máquinas a semântica necessária para que estas forneçam não apenas informações, mas, sobretudo, identifiquem problemas a partir de um conjunto de sintomas e, em seguida, sugiram possíveis soluções, de forma autônoma, para os problemas em questão. Ao final, é realizada uma avaliação da ontologia a fim de corroborar seu poder de expressividade.

Palavras-chave


Ontologia extensível; Sintomas, problemas e soluções; Web semântica.

Texto completo:

PDF

Referências


BERNERS-LEE, T.; HENDLER, J.; LASSILA, O. The semantic web. Scientific American, v. 284, n. 5, p. 28–37, 2001.

BRICKLEY, D.; MILLER, L. FOAF vocabulary specification 0.99. Disponível em: . Acesso em: 11 maio. 2015.

CARTLIDGE, A. et al. An introductory overview of ITIL® V3. The UK Chapter of the itSMF, 2007.

CYGANIAK, R.; WOOD, D.; LANTHALER, M. RDF 1.1 concepts and abstract syntax. Disponível em: . Acesso em: 11 maio. 2015.

DCMI USAGE BOARD. DCMI metadata terms. Disponível em: . Acesso em: 11 maio. 2015.

HITZLER, P. et al. OWL 2 Web Ontology Language Primer (Second Edition). W3C Recommendation, 2012.

JACYNTHO, M. D. DE A. Um modelo de bloqueio multigranular para RDF. Rio de janeiro: Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Departamento de Informática, 2012.

LICHTNOW, D.; DE OLIVEIRA, J. P. M. Relato e Considerações sobre o Desenvolvimento de uma Ontologia para Avaliação de Sites da Área de Saúde. Cadernos de Informática, v. 4, n. 1, p. 7–46, 2009.

MAGALHÃES, I. L.; PINHEIRO, W. B. Gerenciamento de Serviços de TI na Prática. São Paulo: Novatec, 2007.

MAXIMIANO, A. C. A. Introdução à administração. São Paulo: Atlas, 2004.

MAYO CLINIC STAFF. Pneumonia. Disponível em: . Acesso em: 10 jan. 2015.

MICHAELIS, H. Dicionário Online - Dicionários Michaelis - UOL. Disponível em: . Acesso em: 30 mar. 2015.

MILES, A.; BECHHOFER, S. SKOS Simple Knowledge Organization System Namespace Document-HTML. Disponível em: . Acesso em: 11 maio. 2015.

NOY, N. F.; MCGUINNESS, D. L. Ontology development 101: A guide to creating your first ontology. Stantford Medical Informatics Technical Report, SMI-2001-0880, 2001.

PEREIRA, J. R.; DE SOUZA, M. A.; DA COSTA, H. R. GERENCIAMENTO DE PROBLEMA: UMA ABORDAGEM COM BASE NA ITIL. Pensar Tecnologia, v. vol. 1, No. 2, 2012.

PICKLER, M. E. V. Web Semântica: ontologias como ferramentas de representação do conhecimento. Perspectivas em Ciência da Informação, v. 12, n. 1, p. 65–83, 2007.

REZENDE, D. A. Tecnologia da informação integrada à inteligência empresarial. São Paulo: Editora Atlas, 2002.

YU, L. A developer’s guide to the semantic web. Berlin: Springer, 2011.






Revista Perspectiva em Ciência da Informação
Antonio Carlos, 6627 - Pampulha
31270- 901 - Belo Horizonte -MG
Brasil
Tel: 031) 3409-5227 






A revista Perspectivas em Ciência da Informação está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.
       IET          IBCT - SEER Portal Scielo Capes Periodicos UFMG        Sistema de Bibliotecas UFMG