Práticas de gestão da informação e do conhecimento em pequenas e médias empresas organizadas em rede: um estudo multicasos na indústria brasileira

Ricardo Vinícius Dias Jordão

Resumo


Este artigo apresenta os resultados de uma pesquisa destinada a analisar o efeito da organização em redes sobre as práticas de gestão da informação e do conhecimento de micro e pequenas empresas (MPEs) da indústria de café brasileira. Através de um estudo comparativo de casos concluiu-se que: (1) os processos de criação, manutenção e compartilhamento de informações e conhecimentos são influenciados pela rede, bem como pela cooperação, cultura, relações e interações dentro e entre as empresas, (2) a troca de informações e experiências traz benefícios para as MPEs (3), a rede não promoveu a sistematização do conhecimento, mas facilitou o seu desenvolvimento, (4) o estabelecimento de um contexto favorável (Ba) pode ajudar indivíduos e empresas e pode facilitar a criação e o desenvolvimento das habilidades desses indivíduos e empresas. Nesse sentido, observou-se que a cultura de cooperação pode ser considerada essencial no processo de aprendizagem organizacional.

Palavras-chave


Gestão do Conhecimento, Rede de Negócios, Setor cafeeiro, Redes de Conhecimento, Micro e Pequenas Empresas.

Texto completo:

PDF




ISSN 1981-5344 (Online)
rodapé PCI
Revista Perspectivas em Ciência da Informação
Antonio Carlos, 6627 - Pampulha
31270- 901 - Belo Horizonte -MG
Brasil
Tel: (31) 3409-5227 





cc
A Revista Perspectivas em Ciência da Informação está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.
       IET          IBCT - SEERweb of scence

Capes        Sistema de Bibliotecas UFMG           ECI- UFMG            Periodicos UFMG       Portal Scielo